Arquivo da categoria: Cursos e formações

Programa Apoio ao Professor

Divulgo o Programa Apoio ao Professor, chancelado pela Universidade Gama Filho:

O Programa Apoio ao Professor é um programa de extensão universitária para a formação continuada de professores e especialistas em educação de todo o Brasil. Totalmente gratuito, ele oferece cursos de extensão na modalidade a distância para qualquer educador ou educadora do país que busque o aperfeiçoamento e o crescimento profissional.

Não sei a qualidade do trabalho, então, quem tiver informações a respeito, agradeço os possíveis comentários.

De qualquer forma, é interessante porque é on-line e gratuito.

Todo conhecimento é importante e bem-vindo.

Abraços,

Declev Reynier Dib-Ferreira

 

Visitas monitoradas ao Departamento de Astronomia da USP

Dica especial para professores da região perto da USP.

O Departamento de Astronomia do Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da USP tem um programa de visita monitorada para escolas, com palestra e observação do céu.

As visitas podem ser realizadas às terças e quintas-feiras, sempre às 19:00.

As atividades são gratuitas e atendem grupos de 15 a 40 pessoas. As palestras, com temas para públicos de todas as idades, apresentam a Astronomia com linguagem acessível e recursos de multimídia.

O agendamento deve ser feito por email, mas maiores informações podem ser conseguidas no site deles: Informações e agendamento

Além disso, eles têm outros programas e materiais:

Cursos de extensão

Materiais didáticos: vídeos, livros, apostilas

Pode ser uma boa oportunidade para professores de ciências e de geografia, para agitar as aulas de astronomia.

Abraços,

Declev Reynier Dib-Ferreira

As lições do dia a dia

As lições do dia a dia.

Free Stock Photo of Metallic Part 13

Hoje saindo da escola entramos no carro e não conseguimos ligá-lo.

Eu não dirijo, quem dirige é minha esposa, que trabalha nas mesmas escolas e mesmos horários (sim, haja amor, ou paciência…).

Ela tentou girar a chave, mas estava travado. Eu tentei, quase arrebentei a ignição, mas não dava.

Ligamos pra concessionária e somente disseram para “chamar um guincho e levar pra lá”.

Entrei na escola novamente e procurei alguém que, porventura, entendesse de carro – sim, sou um completo ignaro neste quesito – e que, porventura, pudesse auxiliar-nos.

Estava lá o professor de capoeira. Disse que entende um pouco de “mecânica”, não de carro, e foi vê-lo.

“Ah, o carro está numa descida, com a roda virada, o volante travado… assim o mecanismo interno da parafuseta [essa foi minha] trava e não sai mesmo do lugar”.

“Ahtá…”

“Tem que virar um pouco o volante para lá e pronto!”.

Ligou o carro.

Estupefato com minha ignorância, ainda tive que ouvir umas verdades do nosso salvador, na conversa amigável que rolou depois:

“As pessoas compram carro e só querem botar gasolina e sair dirigindo. Não sabem nada de nada do funcionamento dele. As pessoas teriam que, pelo menos, fazer um curso pra aprender um mínimo do funcionamento dele, pra não ficar na mão”.

É, ele está certo.

O conhecimento, a sabedoria geral é muito importante.

Às vezes nos fechamos tanto, nos fixamos tanto em apenas certos ou poucos conehcimentos, que não estamos abertos a novos.

Mais conhecimentos nunca é demais. E hoje é cada vez mais fácil obtê-los. A internet nos ajuda muito.

Por exemplo, antes, para fazer um curso à distância era uma dificuldade, apesar de que existe desde que eu era criança. Lembro que nas revistas em quadrinhos que eu lia tinha um anúncio de cursos por correspondência.

Hoje, basta uma clicada aqui e ali e achamos algo.

É só fazer uma pequena busca, por exemplo, como cursos no Brasil, e já estamos com o conhecimento do mundo nas mãos.

Novos horizontes a cada dia. Procure, aprenda, cresça, construa novos conhecimentos a cada dia.

Eu penso em aprender um pouco de mecânica…

Abraços,

Declev Reynier Dib-Ferreira
Aprendiz

 = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

No Diário do Professor você encontra artigos e links sobre o dia-a-dia da Educação:

Planos de aula, Atividades, Práticas, Projetos, Livros, Cursos, Maquetes, Meio Ambiente… e muito mais!

Compartilhe!

Incentivo para cursar mestrado e doutorado no município do Rio de Janeiro

Incentivo para cursar mestrado e doutorado no município do Rio de Janeiro.

De vez em quando, é verdade, pingam umas gotas de boas notícias, no deserto da educação.

Vejam esta notícia:

Professores municipais receberão incentivo para fazer mestrado e doutorado

Professores de colégios municipais do Rio receberão incentivo para continuar frequentando os bancos estudantis. Cem docentes da rede pública serão selecionados pela prefeitura para um programa de bolsas de estudo. Os educadores poderão ganhar até R$ 1,3 mil por mês para cursar mestrado ou doutorado. O valor do benefício deverá ser usado para cobrir as despesas referentes à dedicação a esses cursos. (…)

O objetivo do programa de concessão de bolsas é avançar na capacitação dos professores. Segundo dados do IBGE de 2010, só pouco mais 11 mil profissionais da educação na cidade do Rio têm mestrado e cerca de 8 mil contam com um doutorado no currículo. No estado, esse número sobe para 18 mil e 11 mil, respectivamente. O dado refere-se tanto a educadores da rede privada como da rede pública. Para se ter uma ideia, apenas na rede pública de ensino do estado existem 116 mil professores. Na rede municipal da capital, são cerca de 41 mil professores enquanto que na rede estadual são aproximadamente 75 mil docentes.

O decreto ainda será regulamentado pela secretaria municipal de Educação. Somente a partir disso os professores poderão entrar com o pedido do benefício.

Falei há pouco tempo por aqui sobre isso.

Eu já tenho mestrado e doutorado – e o fiz SEM bolsa nenhuma, nem da Capes, nem do município e, pior, ainda tive que pagar VÁRIAS faltas por conta de meus estudos, visto que nem todas as direções nem a secretaria são benevolentes em relação a isso.

Espero que agora, depois desta, venha também a boa notícia de que o município irá promover uma forma de MANTER os professores com mestrado e doutorado em seus quadros.

Porque, vou lhe falar: é difícil aguentar o sistema.

Abraços,

Declev Reynier Dib-Ferreira
Doutor em levar na cabeça

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

No Diário do Professor você encontra artigos e links sobre o dia-a-dia da Educação:

Planos de aula, Atividades, Práticas, Projetos, Livros, Cursos, Maquetes, Meio Ambiente… e muito mais!

Compartilhe!

Sou um ser raro: professores doutores são exceção

Sou um ser raro: professores doutores são exceção.

Segundo o Censo Escolar 2010, só há, além de mim, mais 1.155 professores com doutorado atuando em sala de aula do ensino fundamental.

A situação é bem simples de ser explicada, e vai muito além de um simples desinteresse dos professores, conforme poderiam pensar pessoas e instituições externas à escola, mas que fingem ser especializadas em educação.

Dentre os motivos, podemos citar:

  • Falta de plano de carreira que incentive. Mesmo aqueles que têm plano de carreira por formação, a diferença é mínima, às vezes 5% ou 10%. Ora, 10% de pouco é muito pouco!
  • Você tem que estudar e dar aula ao mesmo tempo, porque não consegue bolsa se estiver empregado e se tirar licença, a bolsa não corresponde ao seu salário. Ah, claro, isso SE conseguir licença, porque são raras.
  • Depois que você consegue mestrado ou doutorado, onde e como você poderia aplicar o tanto que estudou e aprendeu no ensino fundamental? Quem te incentiva a isso? Nada nem ninguém.

Vai estudar pra um doutorado e dar aula em duas ou três escolas ao mesmo tempo! Enlouquece. Foi o que aconteceu comigo.

E depois você se pergunta: pra quê?

A reportagem aponta a fala da diretora de Educação Básica Presencial da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes):

“Todo cidadão, esteja ele na Educação Infantil ou na pós-graduação, merece ter professores formados com o mais alto grau de excelência”.

Ahtá, merece… Então porque somos tão desvalorizados pelas agências de fomento?

Mistério…

Por fim, ela afirma que ao obter a titulação de mestre ou doutor, os professores tendem a migrar para o Ensino Superior:

“Em geral, as universidades oferecem melhores condições salariais e de trabalho e também a oportunidade de fazer pesquisa”. “Além disso, criou-se a cultura de que mestres e doutores são formados para atuar na graduação e na pós.”

Pergunto: quem faz algo para desconstruir esta cultura?

Quem faz algo para que os professores do ensino fundamental sejam, além de “aulistas”, pesquisadores?

Quem faz algo para que possamos ganhar um salário compatível com nossos colegas com a mesma formação das universidades?

Quem faz algo para que possamos receber por 40 horas, mas dar apenas 8, 12 ou mesmo 20 aulas e o resto fazer pesquisa, como nas universidades?

Ahtá, ninguém…

E depois acham que nós, professores de ensino fundamental, temos que continuar os estudos – trabalhando ao mesmo tempo, não tendo nenhuma recompensa por isso e continuando, depois da formação, a ficar enfurnados em sala de aula com 40 alunos???

Ahtá…

Abraços,

Declev Reynier Dib-Ferreira
Doutor em Ciências, professor de Ensino Fundamental (por enquanto)

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

No Diário do Professor você encontra artigos e links sobre o dia-a-dia da Educação:

Planos de aula, Atividades, Práticas, Projetos, Livros, Cursos, Maquetes, Meio Ambiente… e muito mais!

Compartilhe!

A Fundação Getúlio Vargas está oferecendo cursos gratuitos

A Fundação Getúlio Vargas está oferecendo cursos gratuitos, com conteúdos e materiais didáticos de graça pela internet.
Veja as opções abaixo.
Em caso de dúvidas, consulte a página de Dúvidas Frequentes.
Abraços,
Declev Reynier Dib-Ferreira
Em curso 

Cursos na área de Finanças Pessoais

Como organizar o orçamento familiar – 5h
Como Fazer Investimentos – Básico – 5h
Como Planejar a Aposentadoria – 5h – EM BREVE!

Cursos na área de Sustentabilidade

Sustentabilidade no dia a dia: orientações para o cidadão – 5 h
Sustentabilidade, um valor para a nova geração: orientações para o professor de ensino fundamental – 5 h

Cursos de Inovação, Venture Capital e Empreendedorismo

Cursos Introdução ao Private Equity e Venture Capital para Empreendedores

Cursos em diversas áreas de conhecimento

Balanced Scorecard – 5 h
Intermediação em Investimentos Financeiros – 5 h
Contratação de Trabalhadores – 5 h
Fundamentos da Gestão de Custos – 5 h
Motivação nas Organizações – 5 h
Processo de Comunicação e Comunicação Institucional – 5 h
Introdução à Administração Estratégica – 5 h
Relevância das Questões Ambientais – 5 h
Produto, Marca e Serviços – 5 h
Fundamentos da Gestão da TI – 5 h
Gerenciamento do Escopo de Projetos – 5 h
Qualidade em Serviços – 15 h
Ciência e Tecnologia – 15 h
Diversidade na Organização – 15 h
Ética Empresarial – 15 h
Recursos Humanos – 15 h

Cursos na área de Direito

Argumentação Jurídica – 5 h
Aspectos gerais da arbitragem – 5 h (NOVO!)
Conceitos e Princípios Fundamentais do Direito Tributário – 5 h
Condutas anticompetitivas – 5 h (NOVO!)
Direitos Autorais e Sociedade – 5 h (NOVO!)
Gestão do Poder Judiciário – 5 h
Introdução ao Direito Imobiliário – 5 h
Investigação Criminal e Instauração da Ação Penal – 5 h
O Juiz e a Ética – 10 h
Patentes e bases legais – 5 h (NOVO!)
Reforma do CPP – 10 h
Solução de Controvérsias Privadas – 5 h (NOVO!)

Cursos na área de Metodologia

Conhecimento, Saber e Ciência – 5 h
Espaço da Universidade na Sociedade – 5 h

Cursos para professores do Ensino Médio

Filosofia – 30 h
Sociologia – 30 h

Para ajudar a dominar as novas regras ortográficas da Língua Portuguesa:

Quiz: Jogo das Novas Regras Ortográficas – Reconhecendo Texto e Contexto – sem carga horária

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

No Diário do Professor você encontra artigos e links sobre o dia-a-dia da Educação:

Planos de aula, Atividades, Práticas, Projetos, Livros, Cursos, Maquetes, Meio Ambiente… e muito mais!

Compartilhe!

Gênero e Diversidade na escola – cursos gratuitos e oficinas nas escolas

Gênero e Diversidade na escola – cursos gratuitos e oficinas nas escolas

A Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ tem um núcleo de pesquisa e extensão denominado Gênero e Diversidade na Escola.

O Projeto Diversidade Sexual na Escola é realizado em parceria com a Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão do Ministério da Educação.

Diversas atividades estão sendo oferecidas neste ano de 2012, dentre elas cursos gratuitos e oficinas nas escolas.

Estão sendo oferecidos dois cursos gratuitos:

  • 1 – Diversidade Sexual e de Gênero na Escola, aberto a qualquer profissional de educação. É inteiramente gratuito e dirigido para todos/as profissionais que atuem na rede pública de educação básica.
  • 2- Diversidade na Escola, que agrega dois módulos adicionais “Juventudes” e “Diversidade étnico-racial”, desenvolvido em parceria com a Prefeitura do Rio, através do programa Rio Escola Sem Preconceito e voltado prioritariamente para profissionais da rede municipal do Rio de Janeiro.

Eles também têm um Grupo de Estudo, aberto a qualquer interessado, com objetivo de produzir debates utilizando produções acadêmicas que agreguem diferentes áreas de conhecimento, agregando pesquisadores/as, estudantes de graduação e pós-graduação, profissionais de educação e saúde e outros/as interessados/as no tema.

Basta chegar no dia e horário marcados com disposição para discutir e produzir trocas. O grupo se reúne na segunda quarta-feira de cada mês, das 13h às 17h, a partir de 11 de abril.

Por fim, também são oferecidas Oficinas em escolas.

São oficinas de curta duração para profissionais de educação em instituições públicas de ensino do Rio de Janeiro, discutindo diversidade sexual e de gênero na escola. A oficina é direcionada a todos/as os/as profissionais da escola, com 4 horas de duração, realizada pela equipe do Projeto.

Para mais informações, acessem o site do Grupo Diversidade Sexual na Escola.

Abraços,

Declev Reynier Dib-Ferreira
Pelo fim da discriminação

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

No Diário do Professor você encontra artigos e links sobre o dia-a-dia da Educação:

Planos de aula, Atividades, Práticas, Projetos, Livros, Cursos, Maquetes, Meio Ambiente… e muito mais!

Compartilhe!

Divulgando evento: 18º Congresso de Leitura do Brasil

Divulgando evento: 18º Congresso de Leitura do Brasil

Bom para professores de Português, especialmente.

Encontra-se divulgada na página do 18º Congresso de Leitura do Brasil, a primeira versão da programação acadêmica do evento.

Dentre outras atrações, haverá uma Feira Literária e Cultural.

O Congresso ocorrerá de 16 a 20 de julho de 2012 na Unicamp – Campinas/SP. Terá como tema O mundo grita. Escuta?

As inscrições para apresentação de comunicações encerram-se no dia 29 de fevereiro de 2012.

Abraços,

Declev Reynier Dib-Ferreira
Professor

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

No Diário do Professor você encontra artigos e links sobre o dia-a-dia da Educação:

Planos de aula, Atividades, Práticas, Projetos, Livros, Cursos, Maquetes, Meio Ambiente… e muito mais!

Compartilhe!

Divulgando evento: ENECiências

Divulgando evento: ENECiências

III ENECIÊNCIAS

.

Sei, por experiência própria, pois já participei de dezenas, que os eventos (Encontros, Congressos, Seminários, etc.) são fundamentais para a nossa formação.

Seja para aprender (mas nem tanto por isso), seja para conhecer pessoas, conhecer experiências parecidas com as nossas, renovar as energias, entre outros.

Então, passarei a divulgar com mais frequência os eventos aos quais tenho acesso.

Espero que seja de valia para vocês.

Este abaixo eu recebi por email e o prazo para envio de trabalho foi prolongado para dia 4 de março de 2012.

Abraços,

Declev Reynier Dib-Ferreira
Professor

III Encontro Nacional de Ensino de Ciências da Saúde e do Ambiente

O ENECiências é um encontro bienal e sua terceira edição será realizada no período de 16 a 19 de maio de 2012, no Campus da Praia Vermelha da Universidade Federal Fluminense, Niterói/RJ.

A partir desta edição, o encontro passa a ser promovido por outros programas da Área de Ensino de Ciências, além do Programa Stricto Sensu em Ensino de Ciências da Saúde e do Ambiente/UNIPLI que deu origem a este encontro.

Os programas que participam do III ENECiências são os seguintes: Programa Lato Sensu em Ensino de Ciências/UFF; Programa Stricto Sensu em Ensino de Ciências/IFRJ e Programa Lato Sensu em Ensino de Ciências/IFRJ; Programa Stricto Sensu em Ensino em Biociências e Saúde/IOC-FIOCRUZ; Programa Stricto Sensu em Educação em Ciências e Saúde/NUTES-UFRJ; Programa Stricto Sensu em Educação Matemática/USS; Núcleo avançado de Pesquisa e Extensão/USS-Maricá e Programa Stricto Sensu em Ensino em Ciências da Saúde e do Meio Ambiente/UNIFOA.

Mais informações neste site.

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

No Diário do Professor você encontra artigos e links sobre o dia-a-dia da Educação:

Planos de aula, Atividades, Práticas, Projetos, Livros, Cursos, Maquetes, Meio Ambiente… e muito mais!

Compartilhe!

Evento: Jornada de Educação para Promoção da Igualdade Racial

Evento: Jornada de Educação para Promoção da Igualdade Racial

Recebi por email:

A organização Se Essa Rua Fosse Minha está realizando, junto com o UNICEF, a 2ª Jornada de Educação para promoção da igualdade racial, por uma infância sem racismos.

A Jornada acontecerá de 4 a 6 de novembro, nas dependências da UNIG – Universidade de Nova Iguaçu e envolverá este ano todos os municípios da Grande Rio de Janeiro (incluindo Niterói e são Gonçalo).

As inscrições para participação são no site do evento.

Serão entregues certificados de participação.

Há também, para os alunos das faculdades de educação e de formação de professores, a possibilidade de trabalhar como voluntários durante o evento. Será dado auxílio transporte e alimentação.

Os interessados devem, após se inscreverem no site do evento, enviar mail informando:

  • nome completo,
  • número de matrícula
  • telefone e mail para contato.

Haverá Grupos de Trabalho (GT) por área temática, voltados para a implementação da Lei 10639.

Terá também GT específico de Matemáticas, Ciências, Religiosidade, Geografia e História, Literaturas, corporeidade e arte e linguagens.

Local:

Universidade de Nova Iguaçu (Unig)
Avenida Abílio Augusto Távora, 2134
Nova Iguaçu – RJ.
Tel.: 2627-5580

Abraços,

Declev Reynier Dib-Ferreira
Sem preconceitos

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

No Diário do Professor você encontra artigos e links sobre o dia-a-dia da Educação:

Planos de aula, Atividades, Práticas, Projetos, Livros, Cursos, Maquetes, Meio Ambiente… e muito mais!

Compartilhe!